Moradores fogem de combates em Mogadíscio

Milhares de habitantes de Mogadíscio fugiam neste sábado, alguns a pé, da capital da Somália, onde os insurgentes islamitas intensificaram a ofensiva contra o governo do presidente Sheikh Sharif Ahmed.

AFP |

Os moradores fugiam em massa do norte da capital, cenário de violentos combates na sexta-feira entre as forças do governo somalis e os insurgentes.

Na manhã deste sábado eram ouvidos disparos esporádicos no distrito de Karan (norte), um dos últimos redutos controlados pelas forças leais no norte e onde aconteceram confrontos na sexta-feira.

Os habitantes seguem principalmente para a cidade de Afgoye, onde 400.000 deslocados já vivem em condições precárias.

Este é o maior deslocamento de população para fora de Mogadíscio desde a eleição de Ahmed, um islamita moderado.

As forças leais ao presidente iniciaram em 22 de maio uma contraofensiva, com um resultado moderado, contra os insurgentes islamitas radicais chamados "shebab" e a milícia Hezb al-Islamiya, que em 7 de maio lançaram uma ofensiva sem precedentes em Mogadíscio e prometeram derrubar o chefe de Estado.

nur-lp/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG