Montana é o terceiro estado dos EUA a aceitar suicídio assistido

NOVA YORK - A Corte Suprema do Estado de Montana, nos EUA, aprovou a prática do suicídio assistido, e os médicos locais não poderão ser impedidos de participar do processo, informaram nesta sexta-feira o jornal The New York Times e outros veículos de imprensa norte-americanos.

EFE |

Uma sentença emitida nesta quinta-feira transformou Montana no terceiro estado dos EUA a legalizar o suicídio assistido (os primeiros foram Oregon e Washington), embora não tenha reconhecido que o método deva ser garantido pela constituição estadual.

"Ao prestar socorro médico ao paciente para que este morra, é o paciente, e não o médico, quem efetua o último ato que causa a morte, ao administrar a si mesmo uma dose letal de uma substância", diz a decisão, assinada por quatro dos sete juízes da Corte.

Em Oregon e Washington, o suicídio assistido foi legalizado por meio de referendos em 1997 e 2008, respectivamente, mas a pratica também não foi reconhecida nestes estados como direito constitucional.

Leia mais sobre: Estados Unidos

    Leia tudo sobre: estados unidossuicídio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG