Mônaco volta aos anos 60 em Festa da Cruz Vermelha

Os acordes de Bill Wyman, ex-baixista dos Rolling Stones, acompanhado por estrelas dos anos sessenta, marcaram a festa da Cruz Vermelha em Mônaco na noite desta sexta-feira, presidida pelo príncipe Albert II.

AFP |

Ao lado das irmãs Caroline e Stephanie, e da namorada sul-africana Charlène Wittstock, o príncipe se somou ao jantar mais badalado do verão monegasco, realizado entre as árvores e flores dos jardins do Sporting Montecarlo, decorados ao estilo do filme "Entre dois amores" (Out of Africa).

Depois do jantar em benefício da Cruz Vermelha de Mônaco, fundada em 1948, pelo qual os participantes pagaram mil euros, todos foram para o salão das estrelas, onde assistiram a um show de pop rock dos anos sessenta, que além de Wyman teve Robin Gibb, cantor dos Bee Gees, Mary Wilson, das Supremes, e Donovan, fundador do grupo Procol Harum.

smk/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG