Jerusalém, 2 mai (EFE).- O enviado dos Estados Unidos para o Oriente Médio, George Mitchell, retorna nesta segunda-feira ao Oriente Médio com a intenção de começar as negociações de proximidade entre israelenses e palestinos, informa hoje o jornal "Yedioth Ahronoth".

Jerusalém, 2 mai (EFE).- O enviado dos Estados Unidos para o Oriente Médio, George Mitchell, retorna nesta segunda-feira ao Oriente Médio com a intenção de começar as negociações de proximidade entre israelenses e palestinos, informa hoje o jornal "Yedioth Ahronoth". Mitchell estará na região durante toda a semana, diz o diário depois de ouvir fontes no Governo israelense, com cujos negociadores vai estar entre terça-feira e quarta-feira. A quinta-feira e sexta-feira será dedicada à parte palestina, que ontem à noite obteve o consentimento da Liga Árabe para as chamadas "conversas de proximidade" durante um período de quatro meses. "As conversas se realizarão de forma triangular entre Jerusalém, Ramala e Washington. Mitchell irá de uma em outra e sua intenção é ficar na região pelo menos uma semana por mês", informa o jornal. O enviado começará o diálogo sem nenhum tipo de atos nem cerimônias, porque "os americanos aprenderam a lição que no Oriente Médio não convém começar negociações com muitas esperanças que depois se transformem em desespero", escreve o jornal. As negociações indiretas entre Israel e a Autoridade Nacional Palestina (ANP) tinham que ter começado em março passado, mas foram adiadas por causa da aprovação de um projeto de construção de 1.600 casas em um bairro judaico de Jerusalém Oriental, sob ocupação desde 1967. EFE elb/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.