Ministros do novo Governo sul-africano tomam posse

Johanesburgo, 11 mai (EFE).- Os 34 ministros do novo Governo da África do Sul, designados no domingo pelo presidente, Jacob Zuma, tomaram posse hoje do cargo em Pretória perante o chefe do Poder Judiciário da África do Sul, Pius Langa.

EFE |

No ato, que ocorreu na Casa de Hóspedes da Presidência, o primeiro a jurar o cargo foi o ex-presidente e agora vice, Kgalema Motlanthe, seguido pelos demais membros do gabinete, que terá seis pastas a mais que o anterior.

Trevor Manuel, ex-ministro das Finanças, jurou o cargo de ministro da Presidência encarregado da Comissão de Planejamento Nacional, que, inicialmente, deve ficar responsável pelos planos estratégicos da África do Sul.

Também estará como ministro da Presidência, mas encarregado da Supervisão e Avaliação das atuações do Governo, Collins Chabane, em uma nova pasta que também avaliará o trabalho dos funcionários.

O até agora chefe da Agência Tributária, Pravin Gordhan, jurou o cargo de ministro das Finanças, o que foi bem recebido por empresários e banqueiros, que hoje parabenizaram o presidente pela composição do Governo.

No Ministério do Interior estará agora a ex-esposa do presidente Dlamini Zuma, que ocupava a pasta de Exteriores no gabinete passado, enquanto Maite Nkoana Mashabane será responsável pelas Relações Internacionais e Cooperação.

A partir de agora, os desafios do Governo de Zuma serão econômicos e sociais, para cumprir seus principais compromissos eleitorais: aumentar o emprego, melhorar a educação e a saúde, oferecer casas dignas a uma grande parte da população, melhorar a situação dos habitantes do campo e combater a delinquência. EFE cho/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG