Ministro ordena demolição da casa do autor de atentado em Jerusalém

Jerusalém, 6 ago (EFE).- O ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, ordenou hoje a demolição da casa do palestino que, em março, matou oito estudantes de uma escola talmúdica em Jerusalém, antes de ser morto.

EFE |

A família do terrorista, que reside em Jabel Mukaber, um povoado árabe da parte oriental de Jerusalém, tem uma semana para apelar da medida diante do Exército, informou a imprensa local.

Se o recurso for rejeitado, terá uma semana adicional com sua residência de pé, durante a qual pode apelar ao Tribunal Supremo.

Barak tomou esta decisão após ouvir hoje as opiniões a respeito de altos comandantes da Polícia, dos serviços secretos internos (Shin Bet) e do Exército.

Tanto o ministro da Defesa quanto o próprio chefe do Governo israelense, Ehud Olmert, tinham se manifestado a favor da derrubada da casa, por considerar que terá um efeito dissuasório entre os palestinos. EFE ap/ab

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG