Ministro israelense viaja a EUA para se reunir com enviado a O.Médio

Jerusalém, 29 jun (EFE).- O ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, parte hoje para os Estados Unidos, onde se reunirá com o enviado especial americano para o Oriente Médio, George Mitchell.

EFE |

A visita ocorre em meio à forte dissensão entre EUA e Israel devido à rejeição israelense de suspender a construção nos assentamentos judaicos na Cisjordânia, como exige a Administração do presidente Barack Obama.

Segundo a imprensa local, Barak, também chefe do Partido Trabalhista israelense, informará ao enviado americano que Israel não parará completamente a atividade nos assentamentos judaicos.

Barak viaja aos EUA no mesmo dia em que se soube que o Ministério da Defesa de Israel aprovou a construção de 50 unidades habitacionais em um assentamento judaico na Cisjordânia.

Trata-se da colônia de Geva Binyamin, onde está planejada a construção de 1,45 mil casas, segundo a edição eletrônica do jornal "Yedioth Ahronoth", que destaca que a decisão da Defesa segue uma sentença do Tribunal Supremo israelense.

Para os palestinos e a comunidade internacional, com os EUA à frente, todos os assentamentos construídos em território ocupado após a Guerra de 1967 são ilegais, e representam um sério obstáculo para a paz e a criação de um futuro Estado palestino. EFE db-amg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG