Ministro holandês cancela visita ao Sudão após não receber visto

Haia, 8 abr (EFE).- O ministro da Defesa holandês, Eimert van Middelkoop, teve que cancelar uma visita às tropas da Holanda que estão no sul do Sudão porque esse país não lhe concedeu o visto, confirmaram hoje à Agência Efe fontes ministeriais.

EFE |

O porta-voz do Ministério da Defesa holandês, Boudewijn Revis, disse que as autoridades sudanesas não explicaram as razões pelas quais negaram o visto ao ministro, cuja viagem deveria ter começado hoje.

Segundo o jornal "De Volkskrant", que cita fontes ligadas ao Governo, Van Middelkoop foi rejeitado no Sudão em conseqüência do filme anti-Corão do deputado holandês Geert Wilders, informação que foi desmentida pelo porta-voz.

O ministro, que, segundo Revis, "não se deixa desanimar por este contratempo", planeja viajar "o mais rápido possível" ao Sudão para poder visitar os militares holandeses que estão nesse país na missão de paz das Nações Unidas. EFE mr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG