Ministro espanhol inicia reuniões com responsáveis israelenses

Jerusalém, 9 set (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores espanhol, Miguel Ángel Moratinos, iniciou suas reuniões com os responsáveis israelenses, após chegar a Israel hoje, procedente da Síria.

EFE |

Segundo fontes diplomáticas espanholas, Moratinos se reuniu logo após chegar com o ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, e depois iniciou um encontro com a ex-ministra de Exteriores e atual chefe da oposição, Tzipi Livni.

Após estes dois encontros, em Tel Aviv, o chefe da diplomacia espanhola deve ir a Jerusalém, onde manterá diferentes reuniões com o presidente de Israel, Shimon Peres, e o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

A viagem de Moratinos, que antes de Israel e Síria incluiu uma escala no Egito e que o levará também à Cisjordânia, tem o objetivo de preparar a visita ao Oriente Médio do presidente do Governo espanhol, José Luis Rodriguez Zapatero.

Embora ainda não exista um anúncio oficial da viagem de Zapatero, fontes diplomáticas israelenses anteciparam ontem à Agência Efe que acontecerá em meados de outubro.

Antes, em sua passagem pela Síria, Moratinos teve uma reunião com o presidente sírio, Bashar al-Assad, durante a qual ambos concordaram em que, para progredir a favor da paz no Oriente Médio, é necessária uma "genuína vontade", segundo um comunicado oficial sírio.

De acordo com um comunicado oficial sírio, Moratinos e Assad falaram sobre a possibilidade de aumentar as relações entre os dois países, os vínculos crescentes com a União Europeia e temas vinculados ao estagnado processo de paz no Oriente Médio.

"As duas partes insistiram em que a etapa atual exige uma vontade política genuína para adotar decisões e garantir sua implementação", acrescenta a nota oficial, divulgada pela agência de notícias estatal "Sana". EFE db-amg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG