Ministro diz que Rússia garante que armamento não chegará às Farc

Bogotá, 19 out (EFE).- O ministro da Defesa da Colômbia, Juan Manuel Santos, disse hoje que a Rússia lhe garantiu que o armamento que vendem não chegará às mãos das guerrilhas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

EFE |

Santos, que esteve em Moscou há poucos dias, disse que a luta contra o narcotráfico e o terrorismo avançou na cooperação bilateral, especialmente em melhorar os controles para impedir que armamento russo caia em mãos das Farc.

Ele acrescentou que "na luta contra o terrorismo a Rússia e a Colômbia não têm diferenças, e nesse sentido eles foram muito solidários com a Colômbia ao considerar as Farc como um grupo terrorista". EFE ocm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG