Morakot - Mundo - iG" /

Ministro de Exteriores taiuanês apresenta renúncia após tufão Morakot

Taipé, 26 ago (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores de Taiwan, Francisco Ou, apresentou sua renúncia e se responsabilizou pela demora de seu departamento em aceitar a ajuda externa, informou hoje a diplomacia taiuanesa.

EFE |

Ou apresentou sua renúncia verbal três vezes, em 12, 21 e 24 de agosto, afirma o comunicado do Ministério de Assuntos Exteriores.

O ministro de Assuntos Exteriores é o quarto alto funcionário que apresenta sua renúncia em relação à gestão governamental do tufão "Morakot", que deixou 461 mortos e 192 desaparecidos, segundo o Serviço Nacional de Bombeiros.

O secretário-geral do Governo, Hsueh Hsiang-chuan; o ministro da Defesa, Chen Chao-min; e o vice-ministro de Assuntos Exteriores, Andrew Hsia, apresentaram suas renúncias em dias anteriores.

Até o momento, só foi aceita a renúncia de Hsia, mas foram prometidas mudanças no Governo no início de setembro.

O Ministério de Assuntos Exteriores reconheceu que o envio de um telegrama recusando temporariamente a ajuda externa causou problemas e pediu desculpas, através do comunicado.

A diplomacia taiuanesa também esclareceu que não informou na época ao escritório presidencial sobre o envio às representações exteriores do telegrama recusando a ajuda externa.

O "Morakot" passou por Taiwan de 7 a 9 de agosto, destruindo infraestruturas e desencadeando inundações e deslizamentos de terra no sul da ilha, com multimilionárias perdas. EFE flp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG