Ministro de Exteriores francês viaja à Rússia e Geórgia para negociar a paz

Paris, 10 ago (EFE).- O ministro de Exteriores francês, Bernard Kouchner, cujo país exerce a Presidência rotativa da União Européia (UE), partiu hoje de Paris rumo à Geórgia e à Rússia, para tentar negociar uma saída para o conflito da Ossétia do Sul.

EFE |

Segundo a emissora de rádio "France Info", Kouchner - que realiza esta missão junto com o presidente rotativo da Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa (OSCE), o finlandês Alexander Stubb - passará a noite em Tbilisi antes de ir a Moscou, segundo as declarações do ministro.

Kouchner apresentará à Geórgia e à Rússia um plano de cessar-fogo e retorno ao "status quo" anterior ao conflito, medida anunciada ontem pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, após falar com os dirigentes da Geórgia, Reino Unido, Espanha, Ucrânia, Itália e Rússia.

O plano da Presidência francesa da UE prevê "o fim imediato das hostilidades", "o pleno respeito à soberania e à integridade territorial da Geórgia" e "o restabelecimento da situação que prevalecia anteriormente no terreno".

Após o ministro francês voltar da região, os ministros de Exteriores da UE realizarão uma reunião extraordinária e, "se for útil, com os chefes de Estado e de Governo", disse Kouchner, sem precisar o local e a data do encontro diplomático. EFE jaf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG