Ministro de Exteriores alemão apresenta à UE iniciativa de paz para Gaza

Berlim, 19 jan (EFE).- O ministro alemão de Exteriores, Frank-Walter Steinmeier, apresentou hoje à Presidência tcheca da União Europeia (UE) um plano de cinco pontos para elaborar uma iniciativa europeia de paz para Gaza.

EFE |

Segundo informações que publicará amanhã o jornal "Süddeutsche Zeiutung", o ministro pactuou o plano com o chefe da diplomacia europeia, Javier Solana, e com o titular de Exteriores tcheco e atual presidente rotativo da UE, Karel Schwarzenberg.

De acordo com o jornal, um dos objetivos do plano é conseguir que a Autoridade Nacional Palestina (ANP) de Mahmoud Abbas recupere influência na Faixa de Gaza, governada pelo grupo Hamas.

Concretamente, a ação coordenada da UE proposta Steinmeier começaria pelo financiamento de um programa de ajuda humanitária para Gaza, ou seja, de remédios, alimentos, carburantes, e acampamentos de emergência.

O segundo passo do plano se centraria em respaldar qualquer ação que impeça o tráfico de armas.

Para isso, a Alemanha enviará em breve ao Egito uma equipe de analistas do Ministério do Interior que analisará a forma como são utilizados os túneis para fazer chegar armas até Gaza, e cuja eliminação é um dos objetivos declarados de Israel.

O secretário de Estado de Interior, August Hanning, confirmou hoje em Berlim que a equipe será composto por dois técnicos e dois especialistas da Polícia de fronteiras.

Segundo Hanning, a Alemanha responde com isso a um pedido do Egito que solicitou equipamento e experiência em sistemas de localização.

O plano de Steinmeier contempla também a abertura mais adiante da fronteira para Gaza, a reconstrução da faixa, e finalmente, o reatamento do processo de paz em seu conjunto, no qual, segundo sua opinião, a UE deveria participar ativa e coordenadamente. EFE ih/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG