grave situação no Líbano - Mundo - iG" /

Ministro da Defesa de Israel considera grave situação no Líbano

O ministro israelense da Defesa, Ehud Barak, considerou neste domingo que a situação no Líbano é grave após os confrontos entre os partidários do governo e os da oposição liderada pelo movimento xiita Hezbollah, velho inimigo do Estado hebreu.

AFP |

"A tomada de controle pelo Hezbollah" do oeste de Beirute "representa um acontecimento grave", disse Barak na reunião semanal do gabinete israelense, afirmou a emissora pública de rádio.

Pouco antes, o vice-ministro da Defesa, Matan Vilnai, havia expressado o temor de Israel de que o Irã tome o controle do Líbano e da Faixa de Gaza por meio dos movimentos radicais de ambos os territórios, Hezbollah e Hamas, respectivamente.

"A possibilidade mais perigosa para nós seria ver o Irã tomar o controle da Faixa de Gaza e do Líbano (...) por meio de movimentos manipulados por Teerã", disse Vilnai à rádio pública.

Militantes do governo libanês e da oposição travaram neste domingo violentos combates em várias zonas de maioria drusa no sudeste de Beirute, informaram vários testemunhas.

Estes novos episódios de violência foram registrados apesar de um retorno à calma na maior parte de Beirute, agitada nos últimos dias por duros confrontos entre os partidários da maioria parlamentar anti-síria, sunitas em sua maioria, e os militantes da oposição liderada pelo movimento xiita Hezbollah, que conta com o apoio de Damasco e Teerã.

ms-rb/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG