Ministro cubano visitará Moscou para ativar diálogo político e cooperação

Moscou, 6 nov (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores de Cuba, Felipe Pérez Roque, chegará à Rússia no próximo sábado em uma visita oficial de cinco dias para ativar o diálogo político e a cooperação entre os dois países, informou hoje a Chancelaria russa.

EFE |

"Nosso país se pronuncia conseqüentemente a favor de normalizar a situação em torno de Cuba e de sua reintegração plena nos processos regional e mundial", declarou o porta-voz oficial da Chancelaria russa, Andrei Nesterenko, em declarações à agência oficial "RIA Novosti".

Segundo o diplomata, as conversas de Pérez Roque com o ministro de Exteriores russo, Serguei Lavrov, têm como objetivo abordar os enfoques dos dois países sobre as principais questões de atualidade.

"Para isto é essencial o desejo da Rússia e de Cuba de cumprir os princípios democráticos na resolução dos problemas atuais em nível internacional", declarou.

Nesterenko fez referência também ao "respeito estrito do direito internacional e, essencialmente, da Carta da ONU e de seu Conselho de Segurança como instrumento universal para a manutenção da paz e a regra de situações de conflito, especialmente no Iraque, no Oriente Médio, no Afeganistão e nos Bálcãs".

Moscou e Havana estão interessadas em estabelecer uma cooperação eficaz para enfrentar as novas ameaças e desafios da atualidade como o narcotráfico, o contrabando de armas e o crime organizado internacional, acrescentou.

Além disso, Nesterenko chamou de tarefas prioritárias ampliar e diversificar a relação comercial entre os dois países, assim como a busca de novos âmbitos de cooperação, especialmente em matéria energética e de transporte.

Segundo informações da Chancelaria russa, a troca comercial entre Rússia e Cuba chegou em 2007 a cerca de US$ 300 milhões. EFE egw/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG