roubar as eleições - Mundo - iG" /

Ministro britânico acusa Mugabe de tentar roubar as eleições

Londres, 21 abr (EFE).- O ministro britânico de Assuntos Exteriores, David Miliband, acusou hoje o presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, de tentar roubar as eleições realizadas em 29 de março nesse país.

EFE |

"Ninguém pode acreditar nessa apuração (de votos)", afirmou Miliband sobre a lentidão do cômputo dos sufrágios, em uma contundente declaração parlamentar por escrito.

O chefe da diplomacia britânica, que se encontra de visita no Paquistão, ressaltou que "o ritmo absurdamente lento" da apuração aviva a suspeita de que Mugabe pretende "inverter os resultados".

A apuração dos votos em 23, das 210 circunscrições eleitorais, acabaria hoje, mas foi adiada mais uma vez, o que levou Miliband a afirmar que a comunidade internacional está assistindo a uma "farsa da democracia" no Zimbábue.

No último dia 18, Robert Mugabe acusou o Reino Unido de estar por trás dos que tentam tirá-lo do poder, e afirmou que não permitirá que seu país "seja de novo uma colônia".

"O Zimbábue nunca voltará a ser uma colônia da Grã-Bretanha", realçou Mugabe, que está no poder desde que o país se tornou independente, em 1980.

Nas eleições do dia 29 de março, Mugabe - que foi acusado de violar os direitos humanos e políticos de seu país e de manipular a apuração das eleições de 2002 e 2005 - desejava uma nova reeleição.

EFE pa/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG