Minas terrestres das Farc matam 6 soldados colombianos

BOGOTÁ (Reuters) - Minas terrestres de guerrilheiros mataram seis soldados colombianos neste sábado, durante a entrada do exército em território rebelde para caçar líderes do maior grupo insurgente do país, disseram fontes militares. O incidente, na província de Norte de Santander, ocorreu perto de onde os rebeldes bombardearam na terça-feira um importante oleoduto.

Reuters |

Os insurgentes combatem a tentativa do governo de retomar áreas mantidas há muito tempo pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Dois membros dos sete da cúpula das Farc foram mortos no começo deste ano como parte da ofensiva do presidente Álvaro Uribe.

Milhares são desalojados, mutilados por minas terrestres ou mortos a cada ano na guerra que há décadas envolve as Farc e outros grupos financiados pelo multibilionário mercado de cocaína.

A explosão de terça-feira no oleoduto ocorreu apenas horas após o embaixador norte-americano William Brownfield visitar a área para mostrar a melhora na segurança devida em parte aos bilhões de dólares da ajuda dos Estados Unidos.

(Reportagem de Hugh Bronstein)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG