Militares que resgataram reféns usavam camisetas com foto de Che (Ingrid)

Os militares que se passaram por guerrilheiros para resgatar 15 reféns das Farc se camuflaram de tal maneira que vários deles usavam camisetas com a foto de Ernesto Che Guevara, contou a ex-refém Ingrid Betancourt, nesta quarta-feira, a uma rádio.

AFP |

"Eles falavam como guerrilheiros e se vestiam como tais", disse Betancourt à rádio do Exército colombiano, da região de Guaviare (sudeste), onde foi resgatada junto com três americanos e 11 membros da força pública, que estavam em poder dos insurgentes.

Segundo Betancourt, a operação começou ao amanhecer quando os reféns foram informados que seriam transferidos pelos guerrilheiros.

Betancourt acrescentou que ninguém, nem os seqüestrados nem os seqüestradores, suspeitou da operação. Eles só souberam que tinham sido resgatados quando estavam no ar, e um dos militares gritou: "somos o Exército da Colômbia, vocês estão livres".

Em vários momentos, a ex-candidata presidencial, seqüestrada em 2002, interrompeu seu relato em lágrimas.

cop-hov/nh/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG