Militares franceses libertam casal sequestrado por piratas

Paris - O casal de franceses sequestrado no dia 2 de setembro por piratas somalis no Golfo de Áden foi libertado na noite desta segunda-feira por militares franceses, anunciou o Palácio do Eliseu.

EFE |

Acordo Ortográfico

Um dos piratas morreu e outros seis foram capturados na operação militar lançada por ordem do presidente francês, Nicolas Sarkozy, indicou a Presidência da República em comunicado.

Segundo o comunicado, Sarkozy "comemorou o sucesso da operação e parabenizou os militares responsáveis pela libertação".

No dia 2 de setembro, piratas somalis sequestraram o veleiro "Carré d'As", no qual navegavam Jean-Yves Delanne e sua esposa, Bernadette, e os levaram a uma localidade litorânea da região de Puntland, no norte da Somália.

Os piratas exigiam o pagamento de um resgate milionário e a libertação de seis somalis presos na França que participaram do seqüestro - na mesma região - de 30 tripulantes do veleiro "Ponant" em abril.

    Leia tudo sobre: frança

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG