Militares da Guiné convocam eleições presidenciais para janeiro

Dacar, 18 ago (EFE).- A Junta Militar que governa a Guiné desde o golpe de Estado de 2008 convocou eleições presidenciais para 31 de janeiro de 2010 e legislativas para 26 de março, informou a rádio senegalesa Sul FM.

EFE |

Segundo a rádio, o presidente da Junta Militar no poder na Guiné, o capitão Moussa Dadis Camara, fez o anúncio das datas, estipuladas por um comitê especial integrado por representantes de partidos políticos, sindicatos, da sociedade civil e das Forças Armadas.

A Junta Militar liderada por Camara chegou ao poder em um golpe de Estado em 23 de dezembro de 2008, poucas horas depois da morte do então presidente Lansana Conté, que ocupou o cargo na Guiné durante 24 anos.

O capitão Camara pediu ajuda financeira da comunidade internacional para organizar as eleições. EFE st/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG