Militar reformado nicaraguense lança advertência a Zelaya e Ortega

Manágua, 2 ago (EFE).- O advogado e coronel reformado Víctor Boitano Coleman advertiu hoje que, se Manuel Zelaya continuar ocupando território nicaraguense para treinar seus partidários, dará informações que terão graves consequências para o deposto governante de Honduras e para o presidente da Nicarágua, Daniel Ortega.

EFE |

"Caso o senhor Manuel Zelaya Rosales continue ocupando o território nicaraguense com seus partidários e milícias hondurenhas do recém-criado Exército Popular Pacífico, farei um pronunciamento", disse Coleman à Agência Efe.

"(Os partidários de Zelaya) estão (assentados) ilegalmente e realizando treinamentos para atuar e desestabilizar o setor fronteiriço, violando território nacional e pisoteando na soberania de nosso país", enfatizou o coronel.

Afirmou que, se esta situação continuar no norte da Nicarágua, fará "um pronunciamento à comunidade nacional e internacional dando informações que terão consequências graves para os senhores Daniel Ortega Saavedra e Manuel Zelaya Rosales".

"Espero que tanta cumplicidade, impunidade e indolência do Governo nicaraguense no caso Zelaya termine. Caso contrário, procederei", disse. EFE fm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG