GAZA (Reuters) - Três foguetes disparados na Faixa de Gaza atingiram Israel na sexta-feira, mas não causaram nenhuma morte ou prejuízo, informou um porta-voz do Exército israelense. Os foguetes foram lançados no momento em que se espera que uma trégua, mediada pelo Egito, seja declarada nos próximos dias. Esta trégua ajudaria a sedimentar o cessar-fogo de 18 de janeiro, que encerrou a ofensiva israelense.

Ninguém assumiu imediatamente a responsabilidade pelos foguetes, que atingiram a cidade de Sderot, no sul de Israel. Os foguetes continuam ser lançados esporadicamente desde a guerra, a qual Israel dizia ter o objetivo de acabar com os foguetes.

Cerca de 1.300 palestinos e 14 israelenses morreram desde o início da ofensiva, no dia 27 de janeiro, depois que expirou um cessar-fogo de seis meses.

Taher al-Nono, oficial do Hamas, disse na quinta-feira que "espera-se que a trégua saia dentro de três dias", para que garanta um fim à violência nas fronteiras, além de reabrir as passagens entre Israel e o enclave costeiro.

Israel não comentou sobre o assunto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.