Milionários chineses usam internet para buscar mulher ideal

Marta Miera. Pequim, 16 fev (EFE).- Os serviços de relacionamento na internet exclusivos para milionários crescem cada vez mais na China, onde por falta de tempo ou timidez empresários ricos buscam on-line a mulher ideal.

EFE |

A maioria é de homens, com idades e personalidades variadas. Em comum, dois pontos: a conta corrente cheia e a necessidade de conhecer alguém.

"O rápido desenvolvimento da economia chinesa aumentou o número de milionários e cada vez são mais os que têm dificuldades para encontrar parceira", explica à Agência Efe Xu Tianli, de 36 anos e fundador do Golden Bachelor (Solteiro de Ouro), uma empresa que oferece esses serviços a jovens endinheirados.

Segundo Xu, as exigências sobre a mulher que desejam e uma agenda muito ocupada são alguns dos motivos que levam cada vez mais esse tipo de homem a buscar ajuda profissional.

Para o empresário a ideia de começar com esse negócio surgiu da experiência pessoal. Mesmo com 32 anos e sucesso profissional, ele conta que tinha dificuldade de encontrar uma mulher.

Após consultar várias empresas de contatos pessoais, Xu se deu conta de que nenhuma estava capacitada para resolver sua situação e, assim, decidiu criar seu negócio focalizado principalmente em gente rica. Quatro anos após criado, o Golden Bachelor conta hoje com cinco milhões de membros e mais de 300 empregados.

O site funciona da seguinte maneira. Um dos milionários diz que tipo de mulher deseja e os "love hunters" entram em ação. Eles percorrem as ruas, navegam na internet, organizam festas e utilizam todo tipo de estratégia para tornar realidade o desejo do cliente.

O montante oferecido para quem encontrar a "menina ideal" chega a 300 mil iuanes (US$ 43.937).

Xu conta à Efe que normalmente é preciso mais de um ano para achar a pessoa que cumpra todas as exigências do cliente, mas que pelo menos 80% dos milionários conseguem as mulheres que buscam.

No caso de a equipe do Golden Bachelor achar a mulher pedida, o interessado deverá dar a empresa até 1 milhão de iuanes (US$ 146.457).

Segundo o último relatório publicado pela revista "Hurun", que todo ano elabora uma lista das pessoas mais ricas, há na China cerca de 825 mil milionários. O critério enquadra nessa categoria pessoas com propriedades superiores a 10 milhões de iuanes (US$ 1,46 milhão).

A mesma pesquisa diz que 82% dos 67 milionários chineses procurados, com pelo menos 10 milhões de iuanes nos bolsos, assinalaram que suas vidas não foram prejudicadas pela atual crise econômica mundial.

Prova disso é o evento organizado em dezembro pela própria Golden Bachelor, que realizou o "encontro às cegas" mais caro já organizado em Pequim, segundo a imprensa local.

No evento, 21 multimilionários solteiros chineses pagaram cerca de US$ 13 mil para buscar uma parceira entre 22 jovens mulheres.

Houve um banquete e depois um baile no hotel Jun Wang Fu, conhecido em Pequim pela decoração no estilo dinastia Qing.

O amor tem um preço, mas quanto? A questão centra um intenso debate entre os internautas chineses que se perguntam se esses milionários estão ou não indo longe demais. EFE mmp/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG