Miliciano morre em Gaza em ataque aéreo, segundo fontes palestinas

Gaza, 7 mar (EFE).- Um miliciano da Jihad Islâmica morreu hoje no norte da Faixa de Gaza em consequência, segundo essa facção e uma fonte médica palestina, de um ataque aéreo israelense, algo desmentido pelo Exército do Estado judeu.

EFE |

O braço armado da Jihad Islâmica, as Brigadas de Jerusalém, precisou em comunicado que seu miliciano Yasser Faray foi vítima de um míssil lançado pela Aviação militar israelense perto da cidade de Beit Lahia.

O ataque teria ocorrido depois que os milicianos lançaram uma série de foguetes contra o sul de Israel, acrescentaram as Brigadas de Jerusalém.

O responsável dos serviços de emergência em Gaza, Muawiya Hassanein, disse que um palestino tinha morrido por causa de um ataque aéreo israelense na mesma área.

Pelo contrário, o Exército israelense ressaltou que não "operou" no norte de Gaza durante o dia.

No domingo passado, o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, ameaçou dar uma resposta "dolorosa, forte e inflexível" ao lançamento de foguetes pelas milícias palestinas de Gaza contra o sul de Israel. EFE sar-ap/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG