MADRI - Milhares de policiais espanhóis foram hoje novamente às ruas para pedir ao Governo salários dignos e que os equipare aos agentes regionais e locais.

A manifestação teve a presença de cerca de 25 mil policiais, informaram fontes dos sindicatos policiais que convocaram o ato.

AP
Policiais protestam nas ruas de Madri

No protesto, o segundo depois do que realizaram em 18 de outubro, os policiais reivindicaram ao ministro do Interior espanhol, Alfredo Pérez Rubalcaba, que cumpra sua promessa de "dignificar os salários" e "retifique e mude o rumo de um dos maiores ataques" aos direitos de um grupo, que "arrisca a vida todos os dias".

Diante do protesto dos policiais, o Ministério do Interior espanhol emitiu um comunicado no qual reiterou sua vontade de diálogo com os sindicatos, mas alertou também que a atual situação econômica torna muito difícil assumir as exigências que colocam.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.