Milhares de pessoas esperam ajuda após inundações no norte da Índia

NOVA DÉLHI - Dezenas de milhares de pessoas perderam suas casas no norte da Índia devido à ruptura de um muro de contenção no rio Bagmati, que inundou quase 200 núcleos habitados, informou neste domingo uma fonte oficial.

EFE |

De acordo com a agência indiana "Ians", as pessoas afetadas dormem ao ar livre, sem água nem comida, enquanto esperam a chegada às zonas afetadas das equipes de resgate.

"Temos fome e nossos filhos choram por comida ou leite, mas não recebemos nada do governo apesar de já terem passado 24 horas desde que o Bagmati rompeu seu muro de contenção", declarou à agência um dos aldeães afetados, Narayain Singh.

O rio transbordou através de uma brecha de cerca de 30 metros na região de Sitamarhi, na empobrecida região de Bihar, e afetou em um primeiro momento cerca de 100 mil pessoas, segundo uma fonte oficial.

Uma equipe da Força Indiana de Resposta a Desastres Nacionais começou neste domingo as operações de resgate, até agora entorpecidas pela falta de luz.

Segundo a "Ians", se teme pela vida de seis pessoas, embora os oficiais de distrito tenham confirmado apenas a morte de uma mulher por afogamento.

Leia mais sobre Índia

    Leia tudo sobre: desabrigadosenchenteíndia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG