Milhares de peregrinos participam da procissão de Sexta-feira Santa em Jerusalém

Milhares de peregrinos católicos do mundo inteiro participaram na tradicional procissão de Sexta-feira Santa na Cidade Velha de Jerusalém que comemora a crucificação de Jesus, dois dias antes da Páscoa.

AFP |

Os fiéis seguiram as 14 etapas da Via-Sacra, o caminho da cruz que Jesus percorreu antes de ser crucificado pelos romanos, de acordo com a tradição cristã, segundo uma jornalista da AFP no local.

Sob um sol radiante, os cristãos, alguns dos quais carregando cruzes para lembrar o calvário de Cristo, cruzaram pelo caminho da Cidade Santa muçulmanos que se dirigiam à Esplanada das Mesquitas e judeus que iam orar no Muro das Lamentações.

A procissão começou em frente ao convento da Flagelação e terminou no Santo Sepulcro, considerado pela maioria dos cristãos o local de sepultura de Jesus.

Este lugar sagrado para os cristão fica na Cidade Velha de Jerusalém, no setor oriental da cidade, que Israel anexou depois de conquistá-lo dos árabes em 1967.

Representantes de duas grandes famílias muçulmanas de Jerusalém, os Nuseibeh e os Yudeh, que guardam as chaves do Santo Sepulcro desde o século XIII, abriram suas portas nesta sexta-feira de madrugada para que os peregrinos pudessem lá orar.

Esta Sexta-feira Santa é a primeira desde à chegada do novo patriarca latino de Jerusalém, Fuad Twal, que substituiu Michel Sabbah, aposentado ano passado aos 75 anos.

A autoridade do patriarca latino de Jerusalém se estende aos territórios palestinos, Israel, Jordânia e Chipre.

A polícia israelense mobilizou reforços para evitar incidentes durante a procissão.

mab-dlm/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG