Milhares de partidários do candidato opositor Mir Hosein Musavi se reuniram neste sábado no centro de Teerã, bradando palavras de ordem hostis ao presidente Mahmud Ahmadinedjad, que, segundo resultados oficiais, assegurou a sua reeleição, constatou um jornalista da AFP.

"Abaixo o ditador!" gritavam os incorformados manifestantes, reunidos na praça Vanak. Centenas de partidários de Musavi também se reuniram próximo ao Ministério do Interior, no centro de Teerã, gritando "Morte ao ditador!".

Os manifestantes protestam contra a derrota de Musavi nestas eleições presidenciais nas quais o ultraconservador Ahmadinejad venceu com 62,63% dos votos, de acordo com o ministro do Interior, Sadegh Mahsuli.

O candidato opositor denunciou neste sábado "claras e numerosas irregularidades", afirmou que era seu "dever religioso e nacional revelar os segredos deste processo perigoso e explicar suas consequências destruidoras para o destino do país" e advertiu que não vai se "curvar frente a este panorama perigoso".


Leia mais sobre Irã

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.