Milhares de nicaragüenses foram hoje às ruas da capital para exigir do governo Daniel Ortega o respeito à democracia e soluções para a crise econômica do país.

A marcha foi convocada pela Coordenadoria Civil, que reúne mais de 600 ONGs que demandam medidas urgentes para assegurar o bem-estar do povo, a redução da inflação, assim como da pobreza e do desemprego que Ortega prometeu resolver durante a campanha eleitoral.

Os manifestantes se reuniram no centro de Manágua e iniciaram uma lenta marcha até a sede do Congresso, para um ato central.

"O povo está cansado de tudo isso, do alto preço da comida, da falta de escolas e dos CPC (conselhos do poder cidadão) construídos nos bairros para controlar as pessoas", queixou-se um homem.

"Não é qualquer um, agora, que pode comer arroz (alimento básico na dieta de setores pobres)", protestou Betulia Guevara, uma dona de casa de 55 anos que se somou à manifestação.

bm/fj/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.