Mikhail Kasianov é reeleito presidente da União Popular Democrática da Rússia

Moscou, 12 jul (EFE).- O ex-primeiro-ministro russo Mikhail Kasianov foi reeleito hoje presidente de União Popular Democrática da Rússia (UPDR), no quarto congresso dessa formação opositora, realizado nos arredores de Moscou.

EFE |

Kasianov foi reeleito por unanimidade, com os votos dos 112 delegados presentes no ato, informou a agência "Interfax".

Em seu relatório ao congresso, o ex-primeiro-ministro fez uma chamada para consolidar as forças democráticas do país e fazer frente à política das autoridades da Rússia, às quais acusou de destruir os "pilares do sistema constitucional do país.

O chefe do Governo russo entre 2001 e 2004, durante o primeiro mandato presidencial do atual primeiro-ministro, Vladimir Putin, disse que "a Rússia não é mais um Estado democrático, socialmente orientado, como afirma o primeiro capítulo da Constituição".

As autoridades eleitorais negaram a Kasianov a inscrição de sua candidatura para as eleições presidenciais realizadas em 2 de março deste ano e vencidas por Dmitri Medvedev, atual chefe do Estado. EFE bsi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG