Mike Myers e Paris Hilton são eleitos os piores do cinema em 2008

O ator canadense Mike Myers recebeu sete indicações aos Razzies, o prêmio Framboesa de Ouro, que, ao contrário do Oscar, elege o pior do cinema nos Estados Unidos, informou a organização, que também apontou Paris Hilton em várias categorias.

AFP |

"Love Guru" ("O guru do amor"), filme escrito, produzido e estrelado por Myers no início de 2008, foi indicado para as principais categorias da premiação, que acontece na noite anterior ao Oscar: Pior Filme, Pior Diretor, Pior Ator e Pior Roteiro.

Para a 29ª edição do prêmio criado pelo jornalista e escritor John Wilson, que acontece no dia 21 de fevereiro, Paris Hilton também foi uma das maiores indicadas, principalmente por sua participação no filme "The Hottie & the Nottie", que entrou para a história como um dos maiores fracassos de bilheteria do cinema.

Por esta "comédia livre de risadas", como define a organização dos prêmios, a herdeira da rede de hotéis que leva seu sobrenome foi indicada a Pior Filme, Pior Casal (junto com Christine Lakin) e Pior Atriz Coadjuvante por "Repo: The Genetic Opera".

A academia, formada por cerca de 700 cinéfilos de todo o mundo, também indicou a Pior Filme o suspense de M. Night Shyamalan "The Happening" ("Fim dos tempos"), produção considerada "desastrosa", que "apresenta a visão mais divertida do apocalipse".

Na categoria Pior Ator, Myers competirá com Eddie Murphy ("Meet Dave" / "O grande Dave"), Al Pacino ("88 minutes" / "88 minutos"), Mark Wahlberg ("The Happening" e "Max Payne") e o comediante Larry the Cable Guy ("Witless Protection").

Na categoria Pior Atriz, disputarão o troféu de plástico dourado Jessica Alba (pelo mesmo filme de Myers e "The Eye" / "O olho do mal"), Cameron Diaz ("Fear And Loathing In Las Vegas" / "Jogo de amor em Las Vegas"), Kate Hudson ("My Best Friend's Girl" / " Amigos, amigos, mulheres à parte" e "Fool's Gold" / "Um amor de tesouro"), além de todo o elenco de "The women" ("Mulheres - o sexo forte) - Annette Bening, Eva Mendes, Debra Messing, Jada Pinkett-Smith e Meg Ryan.

John Wilson, que criou os "Razzies" em 1980, disse à AFP que Myers foi o mais indicado por "ter feito tudo, menos fazer o público rir" com sua pretensa comédia.

pb/ap/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG