México, 15 abr (EFE).- A primeira-dama americana, Michelle Obama, retornou hoje aos Estados Unidos após sua viagem ao México, na qual, durante um dia e meio, se reuniu com crianças e jovens e repassou com a mulher do presidente mexicano, Margarita Zavala, problemas comuns entre os dois países.

Foi a primeira vez que Michelle Obama foi ao México sem o marido, Barack Obama. Em suas últimas horas no país, a primeira-dama americana se reuniu esta manhã em particular com funcionários da embaixada dos EUA, a quem agradeceu pelo trabalho que desenvolvem.

Ainda ontem, a esposa de Barack Obama participou de um ato para três mil estudantes da Universidade Ibero-Americana, visitou o Museu Nacional de Antropologia e crianças pobres em uma escola primária, além de se reunir com a primeira-dama mexicana.

A primeira-dama Margarita Zavala acompanhou a visitante o tempo todo. As duas chegaram a um acordo para impulsionar programas bilaterais em prol da juventude e a infância e também discutiram sobre problemas da saúde, como diabetes e obesidade.

Já à tarde, Michelle Obama se reuniu com líderes feministas e posteriormente jantou na residência oficial da Presidência mexicana, Los Pinos, com o presidente Felipe Calderón e Margarita Zavala.

Hoje, se dirigiu a um famoso restaurante da Cidade do México, onde tomou café-da-manhã com um grupo de 12 destacados jovens mexicanos que estão fazendo trabalhos em suas respectivas comunidades, como a fundação de bibliotecas ou cooperativas.

Por fim, Michelle Obama se dirigiu ao aeroporto internacional Benito Juárez, onde tomou o voo de volta para seu país.

Michelle Obama chegou ao México após uma breve escala no Haiti, onde analisou os esforços para reconstruir a nação após o devastador terremoto sofrido em janeiro. EFE asc/dr/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.