Michelle Obama irá a Copenhague apoiar candidatura de Chicago a 2016

Washington, 11 set (EFE).- A primeira-dama dos Estado Unidos, Michelle Obama, será a encarregada de apoiar a candidatura de Chicago na reunião que o Comitê Olímpico Internacional (COI) realizará em Copenhague, em outubro, para anunciar a sede dos Jogos de 2016.

EFE |

A notícia, divulgada pela imprensa de Chicago, foi conhecida após uma ligação hoje do presidente americano, Barack Obama, para o prefeito da cidade, Richard Daley.

Aparentemente, segundo o diário "Chicago Sun-Times", Obama se desculpou pessoalmente perante Daley por não poder liderar a comitiva.

O presidente americano, que desenvolveu sua carreira política em Chicago, apoiou com entusiasmo a candidatura olímpica da cidade, mas explicou a Daley que não pode se deslocar a Copenhague devido ao momento crítico do processo de reforma no setor de saúde do país.

Obama deve receber na semana que vem, na Casa Branca, representantes das equipes olímpicas e paraolímpicas americanas, em um ato destinado a promover a candidatura de Chicago.

A cidade americana compete pela organização dos Jogos de 2016 com Rio de Janeiro, Tóquio e Madri.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o rei Juan Carlos da Espanha já confirmaram presença na Dinamarca. O comitê olímpico japonês convidou o novo primeiro-ministro, Yukio Hatayama. EFE mv/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG