Michelle Obama escreve bilhete de agradecimento a Laura Bush

NOVA YORK (Reuters) - Michelle Obama, esposa do candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, disse na quarta-feira que escreveu um bilhete de agradecimento a Laura Bush depois de a primeira-dama tê-la defendido. Michelle, que é casada com o senador pelo Illinois Barack Obama, criou polêmica na campanha em fevereiro quando declarou: Pela primeira vez em minha vida adulta, sinto orgulho real de meu país.

Reuters |

Depois de críticos terem questionado seu patriotismo em função da declaração, Michelle Obama passou a dizer frequentemente que sente orgulho de seu país.

Na quarta-feira, quando compareceu no programa 'The View', da ABC Television, ela reafirmou seu orgulho pelos EUA e disse que sua afirmação polêmica se referia ao fato de ela sentir orgulho do processo político deste ano.

Laura Bush saiu em defesa de Michelle Obama este mês, dizendo no programa 'Good Morning America', da ABC: 'Acho que ela provavelmente quis dizer 'sinto mais orgulho'. É preciso tomar muito cuidado com o que se diz. Tudo o que dizemos é analisado e, em muitos casos, interpretado de maneira equivocada'.

Michelle Obama disse que aprecia os comentários e a preocupação da primeira-dama.

'Fiquei comovida com isso e enviei uma cartinha a ela', disse Michelle no 'The View'. 'Levei algum tempo para escrever.

Eu estava pensando sobre, por exemplo, como me dirigir a ela? Acabei enviando para 'Madame Primeira-Dama'. Mas não quero falar sobre isso porque é possível que ela ainda não tenha recebido o bilhete'.

'É disso que gosto em Laura Bush: a maneira racional como ela encara essas questões. Estou aproveitando para aprender algumas coisinhas. Existe uma razão pela qual as pessoas gostam dela --é que ela não alimenta os maus-entendidos.'

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG