Micheletti chega à Costa Rica para diálogo sobre crise em Honduras

Tegucigalpa, 9 jul (EFE).- O novo presidente de Honduras, Roberto Micheletti, chegou hoje à Costa Rica para conversar com o governante desse país, Óscar Arias, sobre a crise por causa do golpe de Estado contra Manuel Zelaya, em 28 de junho.

EFE |

Um porta-voz oficial disse à Agência Efe, sem precisar detalhes, que a delegação hondurenha viajou em dois aviões, por volta das 8h30 (11h30 de Brasília).

O ministro da Defesa de Honduras, Adolfo Sevilla, disse a jornalistas que o avião de Micheletti vai com rotas alternativas, diante da negação da Nicarágua para que sobrevoasse o espaço aéreo desse país.

Acrescentou que "o diálogo entre o presidente Micheletti e Óscar Arias" acontecerá no aeroporto Juan Santamaría, de San José.

Segundo Sevilla, que ficou à frente da Presidência, Micheletti deve retornar hoje mesmo da Costa Rica, enquanto a comissão que o acompanha ficará o tempo que for necessário.

O alto funcionário disse que Micheletti "não leva uma agenda determinada" à Costa Rica, porque isso será definido em San José.

Arias se ofereceu esta semana como mediador na crise vivida em Honduras desde que foi deposto o presidente Manuel Zelaya.

A iniciativa de Arias é apoiada pela secretária de Estado americana, Hillary Clinton, e foi aceita por Zelaya e Micheletti.

A reunião com Arias é a primeira aproximação entre Zelaya e Micheletti para buscar uma saída à grave crise política vivida em Honduras desde 28 de junho, mas os dois chegam a San José sem mudar suas posturas. EFE gr-lb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG