Michel pede a Governo de Mianmar que facilite acesso de ajuda humanitária

Bruxelas, 15 mai (EFE).- O comissário de Desenvolvimento e Ajuda Humanitária da União Européia (UE), Louis Michel, se reuniu em Mianmar com algumas autoridades do país e pediu a elas que facilitem o mais rápido possível o acesso dos voluntários e da ajuda humanitária aos desabrigados pelo ciclone Nargis.

EFE |

Fontes da UE afirmaram em entrevista coletiva que o comissário se reuniu com o ministro de Bem-estar Social birmanês, responsável pelas operações no âmbito humanitário, a quem pediu que inicie "ações concretas o mais rápido possível" para permitir o acesso de material e de voluntários.

O comissário, que descreveu o encontro como uma "primeira reunião positiva", pediu em particular às autoridades birmanesas mais vistos para os voluntários, afirmaram as mesmas fontes.

Além disso, pediu ao Governo de Mianmar que facilite o livre trânsito pelo país dos voluntários que realizam tarefas humanitárias.

O comissário se encontrou ainda com alguns embaixadores europeus, com quem abordou a situação política no país, e com representantes do Programa Mundial de Alimentos (PMA) da ONU e da Federação Internacional da Cruz Vermelha.

Além disso, visitou um campo de ajuda a cerca de 40 quilômetros de uma cidade que está sob controle da Junta Militar, mas onde estão situados cerca de 400 voluntários internacionais.

As mesmas fontes disseram que, apesar de Michel ter previsto visitar amanhã a foz do rio Irrawady, onde estão as localidades mais arrasadas, as más condições meteorológicas poderão alterar estes planos.

Por outro lado, o comissário deverá se reunir amanhã com o primeiro-ministro de Mianmar, o general Thein Sein e o ministro de Assuntos Exteriores, Nyan Win. EFE mb/ev/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG