Tamanho do texto

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse nesta quinta-feira que o desastre provocado pela passagem de um ciclone em Mianmar neste mês provocou um estrago com o qual Mianmar não tem capacidade de lidar sozinho. As autoridades birmanesas confirmaram que quase 80 mil pessoas morreram e cerca de 56 mil ficaram desaparecidas após a passagem do ciclone Nargis pelo país, em dois de maio.

Ban, que está verificando pessoalmente os estragos em Mianmar, disse ter ficado "muito perturbado" com a devastação que encontrou.

Em um encontro com o primeiro-ministro birmanês, Thein Sein, o secretário-geral da ONU pediu a ele que permita que mais especialistas estrangeiros sejam autorizados a entrar no país para ajudar as vítimas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.