Mianmar aprova entrada de especialista americano em desastres

O regime militar birmanês autorizou, pela primeira vez, a entrada de um especialista americano ao país afetado pela passagem do ciclone Nargis, embora sua visita seja limitada, e seus colegas continuem sem receber visto, anunciou o Departamento de Estado americano nesta quinta-feira.

AFP |

William Berger, que comanda uma equipe de ajuda em desastres que espera desde o início do mês para entrar no território, chegou a Yangun na quarta-feira para cobrir a visita organizada pelo governo ao Delta Irrawaddy, completou o porta-voz do Departamento de Estado, Tom Casey.

"É positivo no sentido de que sua entrada foi aprovada", afirmou Casey, acrescentando que "não foram concedidos vistos para o restante da equipe, e (Berger) não recebeu permissão para conduzir sua própria avaliação, ou o tipo de trabalho que normalmente faria".

A equipe é vital para avaliar que tipo e quanto de ajuda é necessário enviar para as vítimas do desastre.

"Certamente, em cada oportunidade que tiver para falar com oficiais birmaneses, (Berger) continuará pressionando, assim como outros representantes, para que a equipe seja autorizada", declarou Casey.

"Mas quero enfatizar que a única razão pela qual lhe foi permitido entrar é para participar dessa visita com respaldo do governo", frisou.

lc/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG