Tamanho do texto

Mianmar acabou com todas as restrições à exploração do arroz, seis meses depois da passagem do ciclone Nargis que inundou no início de maio vastas regiões do delta de Irrawaddy.

"As exportações de arroz haviam sido suspensas depois do ciclone Nargis para garantir que havia quantidade suficiente para os consumidores locais", afirmou um representante do governo local.

"A partir de agora as empresas que têm arroz para exportar e compradores receberão permissão", acrescentou.

O ciclone Nargis deixou 138.000 mortos e 2,4 milhões de desabrigados. Também destruiu 85% das reservas de sementes de arroz. As potências ocidentais manifestaram preocupação com os riscos de fome.

hla/fp