Miami, 29 abr (EFE).- Cerca de 20 casos suspeitos de gripe suína foram detectados no condado de Miami, nos Estados Unidos, e estão relacionados a pessoas que estiveram recentemente no México ou em áreas onde a doença foi registrada.

O Departamento de Saúde de Miami informou que estas pessoas não serão colocadas em quarentena, mas pediram aos médicos que as mantenham isoladas dos outros pacientes.

Os resultados dos exames serão analisados por um laboratório local. Se necessário, as amostras serão enviadas ao Centro de Prevenção e Controle de Doenças da Geórgia.

Segundo as fontes, os resultados podem demorar entre dois e cinco dias.

Já em Orlando, as autoridades de saúde ainda não divulgaram os resultados de um exame realizado em um turista mexicano que visitou a Disney. EFE sob/plc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.