México inicia repatriação de cidadãos em quarentena na China

O México pretende repatriar nesta terça-feira os cidadãos colocados em quarentena pelas autoridades chinesas como parte das polêmicas medidas contra a gripe suína, que também começaram a preocupar o Canadá após o confinamento de 20 estudantes.

AFP |

Um avião da companhia Aeroméxico pousou em Xangai ao meio-dia desta terça-feira. O voo AM1991 deve passar ainda por Pequim, Cantão e Hong Kong.

Segundo o cônsul mexicano em Xangai, Andrés Peña, 43 pessoas embarcaram na cidade.

Quase 70 mexicanos foram colocados em quarentena em várias cidades da China, entre elas Pequim, Xangai e Cantão, depois da confirmação na sexta-feira de um primeiro caso do vírus A(H1N1) na Ásia, em um mexicano que chegou a Hong Kong via Xangai.

Além das pessoas em quarentena, o avião repatriará turistas, empresários, estudantes ou expatriados mexicanos que desejam retornar ao país.

Vários deles compareceram a embaixada do México em Pequim nesta terça-feira. Alguns explicaram que estão presos na China depois da suspensão dos voos entre o México e este país.

frb-dma/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG