Genebra, 18 mai (EFE).- O ministro da Saúde do México, José Ángel Córdova, entregou hoje à diretora-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Margaret Chan, um relatório detalhado sobre o vírus da gripe suína.

As informações contidas no documento serão de grande utilidade para que os cientistas continuem estudando o novo vírus e o desenvolvimento de uma vacina.

Num ato simbólico antes de se reunir a portas fechadas com Chan, Córdova disse que, para o México, uma vacina contra a gripe suína "deve ser um bem público global" e "acessível a todos os países e a toda população".

O ministro também defendeu a necessidade de os países "com menos recursos econômicos para desenvolver suas próprias vacinas" terem acesso garantido ao produto.

Sobre as informações repassadas à OMS, Córdova disse que o documento inclui o "conhecimento biológico" dos cientistas mexicanos sobre as cepas e a "codificação genética do vírus", além de dados estatísticos sobre as pessoas infectadas no país. EFE is/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.