México detém responsável por ataques a embaixada dos EUA

México, 20 mar (EFE).- O presidente do México, Felipe Calderón, anunciou hoje a detenção do narcotraficante Sigifredo Nájera Talamantes, possível assassino de nove militares e responsável pelos ataques com granadas contra o consulado dos Estados Unidos na cidade de Monterrey e as instalações da empresa Televisa.

EFE |

O Exército mexicano deteve hoje, na cidade de Saltillo, o "narcotraficante Sigifredo Nájera Talamantes, conhecido como 'El Canicón', que é o responsável direto da tortura e execução destes militares e o responsável pelos atentados ao consulado dos Estados Unidos e as instalações de Televisa" em Monterrey, disse o chefe de Estado.

Calderón, que participava de um ato de apresentação do relatório da Comissão Nacional dos Direitos Humanos, não deu mais detalhes sobre a detenção e anunciou que a Secretaria de Defesa dará em breve uma coletiva de imprensa sobre o assunto.

Monterrey, capital de Nuevo León, é um dos centros de operações do poderoso e violento Cartel do Golfo, que, segundo autoridades locais, organizou no início do ano passeatas com mulheres, crianças e jovens em repúdio à presença do Exército na região. EFE jac/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG