México cria concurso para ajudar a combater burocracia

CIDADE DO MÉXICO - Durante décadas, os mexicanos enfrentaram complicadas regras burocráticas que facilitavam o suborno. Agora eles querem transformar suas frustrações em dinheiro fácil.

AP |

Acordo Ortográfico

O governo federal criou um concurso para descobrir os piores exemplos de burocracia e corrupção, numa tentativa de rever os requerimentos governamentais.

As autoridades anunciaram os detalhes e prêmios do concurso na quinta-feira, depois do presidente Felipe Calderon ter afirmado no começo do mês que o concurso estava a caminho.

"Os governos servem para facilitar o desenvolvimento das pessoas e comunidades, não para complicar isso", disse o secretário de administração pública Salvador Vega.

Os mexicanos terão até o dia 31 de outubro para entrar no concurso respondendo um formulário com perguntas como: pediram documentos difíceis de se conseguir ou inexistentes? Pediram suborno para concluir o serviço?

O objetivo é reduzir a burocracia dos mais de 4,200 formulários usados pelo governo para 3.000 até 2012, quando Calderon deixará o cargo.

O pior exemplo de burocracia e a melhor sugestão para corrigir os sistema receberão US$27.900. Vencedores estaduais e municipais ganham US$9.300 cada.

As participações serão julgadas por um grupo de cidadãos, liderados pelo líder do braço mexicano do grupo anticorrupção Transparency International. Os vencedores serão anunciados em dezembro.

Leia mais sobre México


    Leia tudo sobre: méxico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG