México apreende armas de ouro com suspeitos de narcotráfico

Monterrey (México), 9 mai (EFE).- O Exército mexicano deteve seis supostos traficantes do Cartel do Golfo, com quem foram confiscadas duas armas banhadas a ouro e com detalhes em diamante em uma casa luxuosa.

EFE |

Na operação foi detido Raúl González García, conhecido como "El Rully", suposto cérebro dos narcotraficantes dedicados a vigiar a passagem da droga pelos estados de Tamaulipas e Nuevo León, na fronteira com os Estados Unidos, conforme informou hoje a Secretaria de Defesa Nacional (Sedena) em comunicado.

A Sedena disse que os detidos no município de Santiago, no estado de Nuevo León, tiveram confiscadas, além das armas, 20 quilos de droga, dinheiro, sete carros de luxo, duas lanchas rápidas, três cavalos de raça e 12 telefones celulares.

Nuevo León e Tamaulipas sofreram nos últimos meses com a violência derivada do crime organizado no México, que só neste ano deixou 2.298 mortos no país, segundo dados extra-oficiais que hoje são publicados pelo jornal "El Universal". EFE jac/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG