Metade da população mundial sofrerá com crise de alimentos em 2100

A metade da população mundial será afetada pela crise de alimentos até o final do século devido ao aquecimento global, advertem estudos publicados nesta quinta-feira nos Estados Unidos.

AFP |

As projeções são baseadas em observações diretas e dados procedentes de 23 modelos informáticos sobre a evolução do clima na Terra.

Segundo os pesquisadores, há mais de 90% de probabilidade de que em 2100 as temperaturas mínimas na temporada de plantio nas regiões tropicais e subtropicais estejam mais elevadas que as máximas atualmente registradas, o que deve reduzir consideravelmente as colheitas.

"Estamos levando em conta o pior do que já vivemos historicamente e dizendo que o futuro será ainda pior se não adotarmos algum tipo de adaptação", disse Rosamond Naylor, diretora do programa de segurança alimentar da Universidade de Stanford, na Califórnia (oeste), coautora do estudo, publicado na revista Science de 9 de janeiro.

"As consequências na produção alimentar mundial devido à elevação da temperatura serão enormes, e isto não leva em conta a redução das quantidades de água, também causada pelas altas temperaturas", disse David Battisti, professor de ciência atmosférica da Universidade de Washington e principal autor da pesquisa.

Nas zonas tropicais, as temperaturas mais elevadas reduzirão de 20 a 40% as colheitas dos principais alimentos, como milho e arroz, enquanto a menor umidade do solo também deve contribuir para reduzir a produção, advertem os cientistas.

Atualmente, a metade dos habitantes da Terra, algo em torno de três bilhões de pessoas, vive nas regiões tropicais e subtropicais e este número deve duplicar até o final do século.

Estas regiões envolvem o norte da Índia, o sul da China, boa parte da Austrália, todo o continente africano e uma vasta zona, que vai do sul dos Estados Unidos ao norte da Argentina, passando pelo Brasil.

js/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG