Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Merkel pedirá cessar-fogo na Geórgia em reunião com Medvedev

Berlim, 11 ago (EFE).- A chanceler alemã, Angela Merkel, pediu hoje à Rússia e à Geórgia o fim imediato das hostilidades pela Ossétia do Sul e uma retirada comprovada das tropas, questão que abordará na reunião de sexta-feira com o presidente russo, Dmitri Medvedev.

EFE |

É prioritário "um imediato e incondicional" fim dos ataques, assim como o estabelecimento de "mecanismos alvos para comprovar a retirada de tropas", indicou hoje o vice-porta-voz do Governo alemão, Thomas Steg.

A integridade territorial da Geórgia é "inquestionável" para o Executivo alemão, acrescentou Steg, e assim a chanceler alemã assegurou ao presidente georgiano, Mikhail Saakashvili.

"A chanceler insistiu em que deve ser respeitada a integridade territorial da Geórgia", afirmou Steg.

Tanto Merkel quanto seu ministro de Assuntos Exteriores, Franz-Walter Steinmeier, mantiveram conversas telefônicas com responsáveis russos e georgianos.

A chanceler se reunirá com Medvedev na sexta-feira em Sochi, às margens do Mar Negro, em um encontro previsto anteriormente, mas que, por causa do conflito da região separatista georgiana da Ossétia do Sul, ganhou especial relevância.

Steg afirmou que o conflito entre Rússia e Geórgia será agora o assunto central da reunião, que será realizada a 100 quilômetros da Abkházia, a outra região separatista em território georgiano.

O Ministério de Exteriores alemão dispôs dois ônibus em Tbilisi para a evacuação de uma centena de cidadãos germânicos ou de outros países da União Européia (UE), em direção à Armênia.

Até agora, 200 alemães deixaram a Geórgia, segundo fontes desse departamento, que acordou ainda uma verba de um milhão de euros para ajuda humanitária urgente. EFE gc/db

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG