Merkel mostra otimismo para 2009 mesmo com crise financeira

Berlim, 31 dez (EFE).- A chanceler alemã, Angela Merkel, tenta hoje expressar otimismo frente à crise financeira em sua mensagem de Ano Novo e diante da maratona eleitoral de 2009 na qual seu grande rival é o social-democrata Frank-Walter Steinmeier.

EFE |

"Não queremos apenas superar a crise financeira mundial, queremos sair reforçados dela" e a "Alemanha pode olhar com otimismo para o futuro e acreditar em sua força em 2009", declara Merkel em sua mensagem antecipada na imprensa e que será transmitida pela TV na noite de hoje.

Merkel, com o intuito de transmitir esperança, também insinua que algo até agora negado possa acontecer na atual legislatura: uma redução de impostos.

"Na medida em que isto seja responsável para com as novas gerações, diminuiremos a pressão fiscal", anuncia.

Após afirmar que a crise evidenciou que "o mundo vivia acima de suas possibilidades", promete "não ceder" até introduzir as medidas necessárias para impedir "os excessos financeiros" de alguns "banqueiros e empresários" sem "sentido da proporção".

A mensagem da chanceler é divulgada três semanas antes da primeira etapa do ano eleitoral 2009. EFE gc/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG