Merkel lamenta vítimas inocentes de bombardeio no Afeganistão

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou nesta terça-feira lamentar profundamente as vítimas inocentes do bombardeio da Otan ordenado na sexta-feira passada por um comandante militar alemão no Afeganistão, em um discurso no Parlamento.

AFP |

"Cada pessoa inocente que morre no Afeganistão é muito", declarou Merkel aos parlamentares.

"Lamento profundamente todas as pessoas inocentes mortas ou feridas, incluindo as que o foram por ações dos alemães", completou.

O ataque aéreo, executado na sexta-feira sob ordens do comando alemão da área de Kunduz, provocou informações contraditórias sobre o número de vítimas, a presença ou não de civis entre os mortos e a pertinência da operação.

Segundo o governador da província de Kunduz, Mohamad Omar, o bombardeio da Otan matou 54 pessoas, entre elas seis civis, incluindo uma criança.

A presença de suas tropas no Afeganistão é muito impopular entre os alemães, que comparecerão às urnas em 27 de setembro para eleições legislativas consideradas complicadas para Merkel depois de uma derrota nas eleições regionais de agosto.

fjb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG