Merkel bloqueará acordos ambientais se houver risco aos empregos

Berlim, 8 dez (EFE).- A chanceler alemã, Angela Merkel, bloqueará acordos climáticos na cúpula da União Européia (UE) em Bruxelas, se estes colocaram em risco postos de trabalho na Alemanha, afirma a governante hoje ao jornal Bild.

EFE |

Merkel pressionará para que a União Européia leve à prática o mais rápido possível grandes investimentos públicos, mas bloqueará qualquer acordo "que coloque em perigo postos de trabalho ou investimentos na Alemanha".

"Nosso principal objetivo é conservar o máximo número de empregos, já que, nos próximos anos, e em vista do desenvolvimento demográfico, precisaremos de nosso potencial laboral para a economia alemã", diz Merkel, uma das maiores defensoras do combate à mudança climática no Velho Continente.

Ao mesmo tempo, Merkel pedirá à Comissão Européia (órgão executivo da UE) impulsionar os investimentos públicos para combater a crise financeira, a fim de "colocar a Europa em forma para o século XXI".

Merkel convocou também uma "rodada de crise" para o próximo domingo, uma reunião com o vice-chanceler Frank-Walter Steinmeier e seus ministros de Finanças, Economia e Trabalho, além de representantes dos bancos e especialistas em economia.

O objetivo desta reunião é fazer uma análise exaustiva da situação para "pensar antes de agir", diz Merkel, que, com isso, pretende aplacar as críticas dentro e fora de seu país que consideram que ela não fez suficiente contra a crise. EFE umj/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG